A Coqueiro é produzida na Fazenda Cabral, a 7 km do centro histórico de Paraty, por Eduardo Mello e seu filho Eduardo Caligari Mello. A família Mello começou a produzir cachaça em Paraty em 1803, com José Mello, e segue até hoje a receita dos antepassados, que fizeram da cidade sinônimo de cachaça de qualidade. Parte dessa herança está nas técnicas de fermentação com leveduras selvagens e no uso de ingredientes secretos para o preparo do pé de cuba, que resultam em uma pinga que traduz os aromas e os sabores do território de Paraty. Em 1980, Eduardo Mello comprou a marca de cachaça Coqueiro, existente desde 1940, e criou uma das mais icônicas e premiadas cachaças do Brasil. Seguindo a tradição local, a Coqueiro passa apenas por duas madeiras, o amendoim, mais neutro e usado como substituto do inox, e o carvalho europeu. Um dos destaques da marca está em ser a primeira marca de cachaça formalizada de Paraty, além de ser a primeira a receber selo de qualidade do Inmetro.